Luís Vaz Fernandes vence Prémio APAV para o Jornalismo 2020

Publicado .

   

O jornalista Luís Vaz Fernandes, do jornal Observador, é o vencedor da segunda edição do Prémio APAV para o Jornalismo, com a peça "Acontece todos os dias". 10 relatos sobre discriminação em Portugal.

O júri destacou que este trabalho “oferece uma paleta de vozes em discurso direto sobre o racismo e a discriminação. Sem condução nem mediação, o público vê-se confrontado com os testemunhos de vários jovens, mais ou menos reflexivos, mais ou menos aprofundados, mas todos indiciando a presença diária da discriminação nas suas vidas, que faz deles e delas vítimas de uma estrutura social que, volta e meia, os olha de lado e põe de parte.”

A cerimónia de entrega do Prémio APAV para o Jornalismo 2020 teve lugar na sala de Âmbito Cultural do El Corte Inglés, em Lisboa, e contou com a presença de Catarina Santos, editora do jornal Observador que colaborou na peça da autoria do jornalista Luís Vaz Fernandes, o Presidente da APAV, João Lázaro, e o Director-geral do El Corte Inglés, Enrique Hidalgo.

O Prémio APAV para o Jornalismo tem um valor monetário de 1.500 euros, patrocinado pelo El Corte Inglés, sendo ainda atribuído um troféu da autoria do designer Gonçalo Falcão. O trabalho "Acontece todos os dias". 10 relatos sobre discriminação em Portugal pode ser consultado aqui.

Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres | APAV apresenta nova campanha de sensibilização

Publicado .

Assinalando o Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres, celebrado a 25 de novembro, a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima apresenta uma nova campanha de sensibilização.

Esta campanha foi desenvolvida criativamente pela agência Mustard, em colaboração com a produtora Clara Amarela e o estúdio Digital Azul.

A campanha alerta para as consequências de ignorar os sinais, como violência verbal, controlo e desconfiança, tanto por parte da vítima como dos vizinhos e outras pessoas próximas.

Veja a violência doméstica com os próprios ouvidos. Para muitas vítimas tudo começa com palavras. Se as ouvir, não ignore.

Linha de Apoio à Vítima: 116 006 (dias úteis, 09h-21h, chamada gratuita)

Folhas Informativas | Violência de Género

Publicado .

Ao longo deste ano renovamos a Coleção de Folhas Informativas / Fact Sheets APAV sobre os principais temas do apoio à vítima: tipos de crime e formas de violência; prevenção do crime e da violência; entre outras.

Hoje apresentamos mais uma folha informativa atualizada: Violência de Género.

As folhas estão disponíveis para consulta online: bit.ly/3jvmZkw

Mantenha-se informado com a APAV.

30 Anos APAV | Livro comemorativo "À Roda de uma Vontade"

Publicado .

«Trinta anos pelos direitos das vítimas. Trinta anos de memória e futuro.»

Violência doméstica, cibercrime, assédio, crimes de ódio. No ano em que celebra 30 anos de existência, a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima reúne em livro 15 contos e 15 ilustrações originais que têm como ponto de partida crimes que frequentemente lhe chegam pela voz das vítimas apoiadas. O livro À Roda de uma Vontade chegou às livrarias no dia 13 de novembro.

O ano de 2020, momento em que a APAV assinala 30 anos de existência, ficará para sempre na memória de todos e todas nós. Foi o ano que relembrou, a quem eventualmente tivesse esquecido, da importância da arte e da transcendência, não só na vida individual como na vida das sociedades.

A importância do trabalho dos/das artistas tornou-se mais evidente no quotidiano e na construção da sociedade que queremos. A pandemia e o isolamento tornaram mais claro o estatuto da arte enquanto necessidade e possibilidade de evasão da realidade — e, assim, da experiência artística enquanto potência para a construção de novos senti- dos, de novas possibilidades para a vida concreta.

Neste livro, a APAV convidou 15 personalidades de várias áreas a escrever uma história. A par dos contos, destacam-se 15 trabalhos originais de ilustradores e ilustradoras.

Para este projeto a APAV conta com o apoio da Quetzal Editores, que dá o seu contributo a esta causa, inscrevendo o seu trabalho na defesa dos valores de cidadania e igualdade, em geral, e na ideia de uma sociedade mais justa e menos violenta, em particular.

Participam neste livro com os seus textos e ilustrações:

Julieta Monginho | Nádia Neves | Isabel Ventura | Tiago de Albuquerque | Mariana Alvim | Alex Gozblau | Carlos Pinto de Abreu | Xavier Almeida | Manuel António Ferreira Antunes | Mantraste | Edson Athayde | Cinara Saiónára | Raquel Ribeiro | Drika Prates | Luís Filipe Borges | Anabela Canas | Diogo Batáguas | André Letria | Lúcia Lourenço Gonçalves | Júlio Dolbeth | Nuno Amaral Jorge | Ana Beatriz Marques | Ana Paula Figueira | Tiago Dinis | Aline Frazão | Ana Biscaia | Filipa Leal | Clara Não | Inês Amado da Silva | Susa Monteiro

O livro já está disponível nas livrarias físicas e online. Já é possível comprar o livro nas Livrarias Bertrand, FNAC, Almedina, Wook e outros. Disponível também no site Quetzal.

APAV 30 Anos | Exposição OLHA | Melgaço

Publicado .

A Associação Portuguesa de Apoio à Vítima, em colaboração com o Município de Melgaço, promove a Exposição "Olha" na Casa da Cultura de Melgaço. Esta exposição reúne um conjunto de trabalhos do fotógrafo Valter Vinagre, sendo o resultado de uma colaboração com a APAV, com o objetivo de retratar o universo das vítimas de crime em Portugal.

A exposição é inaugurada no dia 25 de Novembro, Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres, e estará patente até 12 de dezembro.