• banner CARE 404x132 v2

Dia Internacional da Tolerância Zero Contra a Mutilação Genital Feminina

Publicado .

No dia 6 de Fevereiro assinala-se o Dia Internacional da Tolerância Zero Contra a Mutilação Genital Feminina (MGF). A MGF consiste na remoção parcial ou total da genitália externa da mulher, por razões não médicas e constitui uma grave violação dos direitos humanos. Esta prática ainda está presente em diversos países e culturas realizando-se geralmente quando as vítimas são ainda crianças ou jovens, por vontade da família e do grupo social onde vivem ou de onde são originárias (no caso das famílias migrantes).

São diversas as razões que motivam a persistência da MGF, podendo destacar-se razões sociais, estéticas (o órgão genital é considerado feio e impuro antes da mutilação), religiosas, sexuais (limita o desenvolvimento saudável da sexualidade da mulher) e económicas (as pessoas que executam este ritual auferem rendimentos que garantem o seu sustento). 

Em Portugal a Mutilação Genital Feminina é crime autónomo desde 2015, conforme artigo 144º - A do Código Penal, cuja pena aplicável é de prisão de dois a dez anos. 

A APAV está disponível para apoiar, através da Unidade de Apoio à Vítima Migrante e de Discriminação (21 358 79 14) e da Linha de Apoio à Vítima - 116 006 (número gratuito).

Mais informações:
apav.pt/uavmd

Vice-presidente do Victim Support Europe distinguida pelo Parlamento do Estado da Baviera (Alemanha)

Publicado .

Helgard van Hullen, Vice-presidente do Victim Support Europe, foi distinguida pelo Parlamento do Estado da Baviera (Alemanha) com a atribuição da Medalha de Prata pelo seu compromisso e trabalho pela comunidade e interesse público, nomeadamente no Weisser Ring Germany. A cerimónia teve lugar na Sala do Senado do Parlamento da Baviera (Bayerischer Landtag), em Munique, no dia 1 de fevereiro de 2019. A Associação Portuguesa de Apoio à Vítima congratula Helgard van Hullen e agradece a parceria e amizade ao longo destes anos.

SP Televisão promove venda solidária

Publicado .

De 5 a 8 de Fevereiro, das 11h às 20h, realiza-se nos estúdios da SP Televisão uma venda solidária de guarda-roupa. A venda das peças utilizadas pelas personagens interpretadas por Maria João Abreu, Margarida Vila-Nova e Bárbara Lourenço, na novela Paixão, reverte na totalidade para a APAV.

SP Televisão
Caminho da Ponte S/N
2735-521 São Marcos - Cacém

Evento Facebook

APAV passa a integrar INHOPE - International Association of Internet Hotlines

Publicado .

Decorre em Berlim, entre os dias 28 de janeiro e 1 de fevereiro, a reunião anual da INHOPE - International Association of Internet Hotlines. Esta é a organização internacional que reúne as linhas de apoio para a internet (hotlines) de diversos países. As hotlines fornecem ao público plataformas anónimas de denúncia de conteúdos de abuso sexual de menores na internet. Quando recebem essa informação, as hotlines têm como missão a remoção desse conteúdo da internet, minimizando o impacto da revitimação das vítimas. Em Portugal a APAV operacionaliza a hotline Linha Alerta da Internet Segura, no âmbito do Consórcio Internet Segura, desde o início de 2019.

No dia 30 de janeiro realizou-se uma votação para a integração de quatro novos membros e a APAV foi aceite oficialmente como membro provisório da INHOPE. Este processo é o culminar da passagem dos serviços da hotline portuguesa, Linha Alerta / Internet Segura, anteriormente gerida pela FCT - Fundação para a Ciência e Tecnologia | FCCN - Computação Científica Nacional, para a APAV. Agradecemos à FCT todo o apoio neste processo.

www.internetsegura.pt
linhaalerta.internetsegura.pt

APAV recebe donativo do cartão de crédito Banco CTT e BNP Paribas Personal Finance

Publicado .

Realizou-se no dia 1 de fevereiro, nas instalações de sede da APAV em Lisboa, a entrega do donativo angariado pela iniciativa de Natal do cartão de crédito do Banco CTT e BNP Paribas Personal Finance. Da campanha resultou um valor total de 27.410€, que terá como destino a manutenção de um dos serviços de proximidade da APAV, a Linha de Apoio à Vítima e de apoio à distância (116 006 - número europeu gratuito de apoio a vítimas de crime).