Como ser Voluntário/a?

 

COMO SER VOLUNTÁRIO/A NA APAV?

Tendo por objectivo último a qualidade do apoio prestado a vítimas de crime em Portugal e a total satisfação dos seus colaboradores (Voluntários/as no caso), a APAV tem um processo de selecção e formação para os/as seus/suas Voluntários/as.

 

 

Candidatura e entrevista de selecção

As candidaturas a Voluntariado APAV podem ser feitas presencialmente num dos nossos Serviços, ou através de candidatura online. Caso a proposta do/a candidato/a se encaixe com as necessidades da APAV, este/a será chamado/a para uma entrevista presencial onde se avaliam as suas expectativas, a sua disponibilidade e motivação para a realização de Voluntariado

 

Selecção dos/as candidatos/as, celebração do contrato-programa e integração do/a Voluntário/a

Uma vez aceite a candidatura, a APAV entra em contacto com o/a candidato/a e agenda-se um dia e hora para a assinatura do contrato-programa de onde contam os direitos e deveres do/a Voluntário/a. Nesse mesmo dia são apresentadas ao/à Voluntário/a as instalações onde este realizará o Voluntariado, assim como a equipa com quem colaborará.

 

 

Formação

A Formação APAV procura garantir o bom trabalho dos seus colaboradores e uma boa prestação enquanto instituição que acredita e trabalha para que em Portugal todas as pessoas afectadas por um crime tenham acesso a serviços gratuitos, confidenciais e de qualidade e para que a posição da vítima de crime e os seus direitos sejam mais valorizados pela sociedade e pelas políticas. Todos/as os/as Voluntários/as frequentam uma formação inicial (certificada pela DGERT) que o/a prepara para as actividades que irá realizar durante a sua colaboração com a Associação. Além da formação inicial, todo/a o/a Voluntário/a tem a possibilidade de frequentar formação contínua (Workshops temáticos, Seminários, Cursos de Especialização, etc.) que o/a capacita de conhecimentos aprofundados sobre temáticas específicas do apoio a vítimas de crime.

 

Atividades de Voluntariado

Uma vez concluído o período de formação inicial, o/a Voluntário/a inicia a sua colaboração com a APAV. De um modo geral, e com excepção para os/as Amigos/as Pro Bono, é desejável que o/a Voluntário/a tenha disponibilidade para colaborar uma média de 4 horas por semana com a nossa Associação.