• banner CARE 404x132
  • banner cansada

Disco "Ary, o poeta das canções" reverte para a APAV

Ary dos Santos, o nome incontornável da história da música portuguesa, celebraria 80 anos em 2017. Autor de mais de seiscentos poemas para canções, foi através da música que alcançou o grande público. Hoje, José Carlos Ary dos Santos é reconhecido por todos e as mensagens dos seus poemas continuam actuais, apesar da sua obra contar já mais de quatro décadas. É precisamente dessa intemporalidade das canções que nasceu projecto Ary, o Poeta das canções, idealizado e protagonizado pelo cantor Joaquim Lourenço.

É agora lançado o disco que marca as celebrações dos 80 anos do nascimento do poeta. Este trabalho reúne 15 clássicos da música portuguesa do século XX, tocados e cantados de forma inovadora e contemporânea, com recurso à linguagem da música clássica, do jazz, da world music e do novo teatro musical.

Este projecto tem uma vertente solidária e por cada disco vendido 1€ reverte para a APAV.

Informações:
Site: Joaquim Lourenço
Facebook: Ary, O Poeta das Canções

Dia Europeu das Vítimas de Terrorismo: APAV promoveu Seminário-Debate sobre Vítimas de Terrorismo

   

Apesar de não ser um fenómeno recente, o terrorismo tem marcado a agenda do dia e é a causa principal para a situação de insegurança global que vivemos no tempo presente. Em 2016 foram frequentes os atentados que ocorreram em vários países europeus, que tiraram a vida a centenas de pessoas, ferindo e traumatizando milhares. Os efeitos psicológicos e sociais nas vítimas de atentados terroristas são profundos e duradouros. Relembrando os atentados na estação de comboios de Atocha, em Madrid, em 2004, foi designado o dia 11 de março como o Dia Europeu das Vítimas de Terrorismo. Este atentado atingiu centenas de pessoas de várias nacionalidades. Sabemos hoje que a probabilidade de um atentado, em qualquer lugar do mundo, afetar vítimas de vários países, incluindo Portugal, é elevada. Essa probabilidade acabou por ser, infelizmente, comprovada em 2016, onde, pela primeira vez, se encontraram vítimas portuguesas em atentados terroristas de inspiração em radicalismo religioso.

Assinalando o Dia Europeu das Vítimas de Terrorismo, a APAV promoveu o Seminário-Debate: Vítimas de Terrorismo no dia 10 de março, na Sede da APAV, em Lisboa. A organização do seminário-debate pretendeu sensibilizar as instituições que direta ou indiretamente têm a responsabilidade de prevenir e combater os atentados terroristas, bem como prestar socorro às vítimas, existindo ainda um longo caminho de articulação e desenvolvimento de procedimentos em prol da defesa dos direitos das vítimas e das necessidades que são causadas por estes eventos. Através do seminário-debate, a APAV pretendeu igualmente sensibilizar a sociedade em geral para o impacto do terrorismo.

Encerrando o evento, a APAV promoveu uma cerimónia de homenagem às vítimas de terrorismo. Foi realizado um minuto de silêncio em memória das vítimas de terrorismo, assim como a entrega de uma coroa de flores no Monumento de Homenagem de Lisboa às Vítimas do 11 de Setembro (Av. Estados Unidos da América).

Conferência sobre a Lei de Combate à Discriminação Racial | 21 Março

Assinalando o Dia Internacional para a Eliminação da Discriminação Racial, a Câmara Municipal de Lisboa promove uma Conferência sobre a Lei de Combate à Discriminação Racial. A conferência terá lugar no dia 21 de Março no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

A APAV irá marcar presença no evento, estando representada na mesa-redonda por Juliana Moya, da Unidade de Apoio à Vítima Migrante.

APAV Açores 10 Anos | Exposição "Dar Voz ao Silêncio"

No âmbito das comemorações dos 10 Anos da APAV Açores, a APAV promove a exposição “Dar Voz ao Silêncio”, no átrio do Juízo de Competência Genérica de Velas, do Tribunal Judicial da Comarca dos Açores (São Jorge).

Esta exposição, que reúne dez campanhas de sensibilização da APAV, estará patente entre os dias 6 de Março e 5 de Abril de 2017.

Exposição "OLHA" de Valter Vinagre | Galeria Municipal de Arte de Almada

Olha, de Valter Vinagre

A Galeria Municipal de Arte de Almada apresenta, de 3 de março a 13 de maio, a exposição de fotografia “Olha”, da autoria de Valter Vinagre. A exposição, inserida nas Comemorações Municipais do Dia Internacional de Mulher, resulta de um projeto desenvolvido entre o fotógrafo e a APAV, com o objetivo de retratar o universo das vítimas de crime em Portugal. A exposição inaugura no dia 3 de março, sexta-feira, às 18h30.

 

Galeria Municipal de Arte de Almada
Av. D. Nuno Álvares Pereira, 74-A | Almada
21 272 4724 | Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Horário:
Segunda a sexta: 10h00-12h30 / 14h00-18h00
Sábados: 14h00-18h00
Encerra aos domingos e feriados