• banner CARE 404x132 v2

Adryana Gold | Espaço APAV & Cultura | 6 Setembro

Publicado .

No dia 6 de Setembro, quinta-feira, o Espaço APAV & Cultura acolhe um concerto ao fim da tarde com Adryana Gold. Este espectáculo tem início pelas 19h30, nas instalações de sede da APAV, na Rua José Estêvão 135-A (ao Jardim Constantino), em Lisboa.

Adryana Gold lançou em Maio o seu primeiro EP, "Meet The Eye". Deste conjunto de músicas destaca-se o single "Once Broken", música com videoclip realizado por João Nunes. Nesta actuação no Espaço APAV & Cultura Adryana Gold irá apresentar este primeiro EP com a sua banda, constituída por Bruno Braz, Diogo Rodrigues e Gonçalo Formiga.

Este concerto tem entrada livre.

facebook.com/AdryanaGold | Vídeo "Once Broken"

Seminário Direitos das Vítimas: um passo em frente | 27-28 Setembro

Publicado .

Todos os anos, 75 milhões de pessoas são vítimas de crime na União Europeia (UE) e 15% da população Europeia é anualmente vítima directa de criminalidade violenta.

Estes números deveriam por si só colocar as necessidades das vítimas como prioridade das políticas Europeias e de cada um dos Estados Membro. A mais recente legislação Europeia espelha esta perspectiva. Irão os Estados Membro responder em conformidade? Quais os novos desafios que se apresentam às instituições e organizações nacionais? Quais as questões-chave que estão em causa? O que é que as vítimas realmente necessitam?

Este Seminário aborda todas estas questões e muitas mais. Destina-se em especial a profissionais judiciais, a polícias e técnicos de apoio a vítimas.

Assim, no primeiro dia serão abordadas as alterações trazidas pela nova Directiva do Parlamento Europeu e do Conselho que estabelece normas mínimas relativas aos direitos, ao apoio e à protecção das vítimas da criminalidade, bem como os desafios que desta decorrem e outros que surgem de mais legislação europeia, como seja a cooperação judiciária e policial.

O segundo dia será dedicado ao debate sobre temas fracturantes, como por exemplo a relação entre a protecção de dados e o apoio à vítima, e partilha de boas práticas.


Para mais informações:
www.apav.pt/cabvis

Inscrições encerradas.

Euronews destaca o apoio às vítimas de crime

Publicado .

A Euronews acaba de destacar o apoio às vítimas de crime na União Europeia. A reportagem "Vítimas de crimes: uma luta solitária" atravessa diversos casos ocorridos em diferentes países, realçando o trabalho desenvolvido pelas instituições locais de apoio à vítima.

"Estima-se que 75 milhões de pessoas sejam vítimas de crimes, todos os anos, na União Europeia. Algumas recebem apoio, mas muitas outras lutam sozinhas. A União Europeia está a fazer esforços para garantir que estas vítimas não se tornam, também, vítimas do sistema.

“Não só perdemos o Chris como temos que lutar com o sistema judicial para que este caso seja analisado, para que se faça justiça, por ele, por mim, pela família, pelas crianças”, explica Vikki Soloman, que perdeu o marido, vítima de agressão.

Um dos melhores sistemas de apoio à vítima, na Europa, encontra-se na Escócia. Por alguns é visto como um modelo a seguir pelos outros países, aqui, as pessoas estão seguras de que, quando são vítimas de crimes, a ajuda existe. Mas isso é apenas um pequeno conforto para uma família como esta, exemplo do tormento que as vítimas podem enfrentar nos países da União Europeia. (...)"

Consulte aqui o artigo completo + vídeo.

 

Novo site internetsegura.pt

Publicado .

No âmbito da parceria da APAV com a internetsegura.pt, a APAV partilha o lançamento do novo site sobre segurança na utilização da internet | www.internetsegura.pt, que apresenta uma versão mais interativa e com mais funcionalidades para melhorar o alerta sobre riscos associados às novas tecnologias, contempla ainda a possibilidade de apresentar estudos e estatísticas sobre segurança online.

Os visitantes poderão testar os seus conhecimentos sobre internet e comportamentos seguros na navegação, por grupos específicos, por exemplo, por escalão etário, ou por interesses específicos, no caso dos pais ou professores.

Segundo a Internet Segura, em Portugal mais de metade das pessoas com idade entre os 16 e os 74 anos utilizam a internet, mas poucos estão informados sobre estratégias, individuais e coletivas, para minimizar abusos e ilegalidades que ocorram durante a sua utilização.

Link: www.internetsegura.pt/linha-alerta

Projecto Títono (In)Formar promoveu curso de formação a agentes da PSP Porto

Publicado .

A APAV tem verificado que, desde 2000 até ao ano 2011, houve um aumento de 158,3% do total das pessoas idosas vítimas de crime. De 290 processos de apoio/vítimas pessoas idosas em 2000, passamos a observar 749 em 2011. Entre 2000 e 2011 a APAV recebeu 6.249 pessoas idosas vítimas de crime. Com estes processos de apoio a APAV verificou que existe um insuficiente conhecimento do tema por parte das vítimas, familiares e prestadores de cuidados, bem como uma insuficiente informação e capacitação dos profissionais para intervirem nestas situações.

Assim sendo, no âmbito do projecto Títono (In)Formar – Apoio a Pessoas Idosas Vítimas de Crime e de Violência (apadrinhado pela SIC Esperança), a APAV tem desenvolvido diversos cursos de formação sobre Pessoas Idosas Vítimas de Crime e de Violência, ao longo do País e dirigido a diferentes profissionais de diferentes áreas de formação com especial adesão das forças de segurança. Desde o inicio do projecto realizou oito cursos de formação tendo contado com participação de 156 formandos/as.

No presente mês, nos dias 17 e 18 de Setembro, foi dinamizado o terceiro curso no Comando Metropolitano da Polícia de Segurança Pública do Porto que contou com a participação de 23 agentes. Esta iniciativa surge do reconhecimento de que a violência contra as pessoas idosas constitui um problema social, de saúde pública e de segurança, considerando-se que o seu eficaz combate pode contribuir para um futuro mais inclusivo, onde todos sejam respeitados ao longo do ciclo de vida, nomeadamente no contexto de um envelhecimento activo e saudável. A prevenção e combate à violência praticada contra as pessoas idosas impõem-se, adicionalmente, por celebrarmos actualmente o Ano Europeu do Envelhecimento Activo e da Solidariedade entre Gerações, como um compromisso que é de todos.