• banner CARE 404x132 v2

11 março | Dia Europeu em Memória das Vítimas de Terrorismo

Publicado .

11M

Relembrando os atentados na estação de comboios de Atocha, em Madrid, em 2004, assinala-se, a 11 de março de 2019, o 15.º Dia Europeu em Memória das Vítimas de Terrorismo. Foram frequentes os atentados que ocorreram nos últimos anos, que tiraram a vida a centenas de pessoas, ferindo e traumatizando milhares. Os efeitos psicológicos e sociais nas vitimas de atentados terroristas são profundos e duradouros. Para nós, relembrar o Dia Europeu em Memória das Vítimas de Terrorismo é sensibilizar a população em geral e as instituições (que direta ou indiretamente têm responsabilidade de prevenir e combater os atentados terroristas, bem como prestar socorro às suas vítimas) para o facto de que ainda existe um longo caminho de articulação e desenvolvimento de procedimentos em prol da defesa dos direitos das vítimas e das necessidades que são causadas por estes eventos.

Apesar de não ser um fenómeno recente, o terrorismo continua na agenda do dia. Este fenómeno passou a afetar diretamente Portugal e, apesar de o risco de ocorrência de um atentado em território nacional ser inferior a outros países europeus, tivemos nos últimos anos cidadãos nacionais vitimados por estes atos no estrangeiro. A sensação de segurança global, que se alterou depois dos atentados em 11 de setembro de 2001, nos Estados Unidos, é apenas uma das suas faces. Nos últimos anos assistimos a migrações em massa de zonas de conflito, obrigando milhares de pessoas a colocar-se em situações de extrema vulnerabilidade e a territórios, como a Europa, ao esforço para o acolhimento e integração destas populações.

Desde 2016 que a APAV tem apoiado vítimas, familiares e amigos de vitimas de atentados terroristas ocorridos no estrangeiro através da Rede de Apoio a Familiares e Amigos de Vítimas de Homicídio e Terrorismo (RAFAVHVT). Ainda no âmbito do Dia Europeu em Memória das Vítimas de Terrorismo, a APAV promoveu, a 7 de março, o Seminário-Debate "Prevenção e Combate à Radicalização". O evento contou com a participação de representantes do Gabinete da Secretária-Geral do Sistema de Segurança Interna, Serviço de Informações de Segurança, Unidade Nacional Contra Terrorismo da Polícia Judiciária e Associação Renovar a Mouraria. Neste Seminário, foi apresentado o Projeto Counter@ct - prevenção e combate à radicalização, promovido pela APAV.